Category: Rock

9 thoughts on “ O Rapaz Do Táxi - Fernando Farinha - 50 Anos De Fado (CD) ”

  1. O Rapaz do Táxi Fernando Farinha. O jovem chofer de praça Por isso senhor da cidade A businar e a refilar com quantos passam Como uma flecha sempre em louca velocidade Quando apanha um passageiro Se o serviço não lhe agrada Torçe o nariz e ali ele vai pelo Caminho inteiro Metendo todas as mudanças á pancada Um rapaz de taxi tal como avião.
  2. O fado perdeu a raça Aquela graça afadistada Deixou de ser desordeiro E companheiro da ramboiada estes fadistas de agora Trazem o fado virado Nos retiros e salões Cantam canções em vez de fado É pá não fiques calado É pá canta lá o fado O fado era assim meus senhores Com vinho da pipa a correr Assim mal criado e avinhado É que o fado era fado a valer Hoje o fado é para.
  3. fernando farinha - fado das trincheiras O soldado na trincheira, não passa duma toupeira Vive debaixo do chão. Só pode ter a alegria de espreitar a luz do dia Pela boca de um canhão. Mas quando chegar a hora dele arrancar por aí fora Ao som da marcha de guerra, Seus olhos são duas brasas e as toupeiras ganham asas Como as águias lá da serra.
  4. Ver las letras de Fernando Farinha y escuchar "Mãe Há Só Uma", "Belos Tempos", "É Pá Canta Lá O Fado", "Eterna Amizade", "Fados de Coimbra" y más canciones!
  5. Jun 16,  · Frei Hermano da Câmara - Fado Despedida Acompanhado pelo Conjunto de Guitarras Diogo Lucena e Quadros Diogo Lucena e Quadros - guitarra portuguesa Bernardo Romão - guitarra portuguesa Luis.
  6. Letra e música de O Rapaz do Táxi de Fernando Farinha 🎵 - O rapaz do taxi tem motor no peito / Tanto anda nas curvas como anda a direito / A vida é malvada e .
  7. Usamos cookies para permitir que o nosso website funcione corretamente, para personalizar conteúdo e anúncios, para proporcionar funcionalidades das redes sociais e para analisar o nosso tráfego. Também partilhamos informação com os nossos parceiros das redes sociais, de publicidade e de analítica sobre o seu uso do nosso website.
  8. Página Inicial Fado Fernando Farinha O Rapaz do Táxi. O Rapaz do Táxi Um rapaz de taxi tal como avião Conduz sua vida sem nunca afrouxar Tem pé vigoroso, firmeza na mão Faz frente ao destino sem meter travão O rapaz do taxi tem motor no peito Tanto anda nas curvas como anda a direito A vida é malvada e jamais melhora Se não for.
  9. O jovem chofer de praça Por isso senhor da cidade A businar e a refilar com quantos passam Como uma flecha sempre em louca velocidade Quando apanha um passageiro Se o serviço não lhe agrada Torçe o nariz e ali ele vai pelo Caminho inteiro Metendo todas as mudanças á pancada Um rapaz de taxi tal como avião Conduz sua vida sem nunca afrouxar Tem pé vigoroso, firmeza na mão Faz frente ao.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Design & Developed By Themeseye